MAUS TRATOS AOS ANIMAIS


MAUS TRATOS AOS ANIMAIS-qualquer cidadão pode fazer a denuncia: CRMV- Unidade Regional do Sul de Minas Gerais. Delegado Dr. Marden. 35/ 3221-5673. Horário: 8 ao meio dia, 13 até 17 h. E-mail: crmvmg.suldeminas@crmvmg.gov.br

segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

Aos amigos de estrada

Aos que me acompanham na jornada da vida e que de alguma forma torcem por mim, um feliz final de ano, boas festas e muita saúde em 2014.
Na vida, o importante são os amigos que deixamos pela estrada, pois nos acompanham de corpo ou de alma, durante toda nossa jornada, dando coragem para enfrentar as dificuldades. Por isso, nas alegrias, é com eles que devemos comemorar! Feliz Natal!

sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

PERCA DEPOIS DE LER

 Quando lancei o projeto PERCA DEPOIS DE LER em Pouso Alegre a meta era difundir o exercício da leitura nas pessoas, como forma de fomentar a cultura nos moradores, tão ocupados com o dia a dia e esquecidos que LER FAZ BEM PARA A ALMA.
O projeto entrou na internet com uma página no face, sorteio de livros livros e muita boa vontade! Cresceu, recebeu ajuda e doações de diversas pessoas e até se expandiu para outras cidades, como Jundiaí.
Vários livros foram perdidos, muita gente achando e perdendo novamente...Até saiu uma linda reportagem na EPTV.
 Agora está sendo ampliado de uma forma inovadora! Foi lançada uma  estante de livros nos novos pontos de ônibus de Pouso Alegre.  Você escolhe um dos livros que estão lá,  lê e depois devolve. Ou então pega aquele livro lá da sua casa, escreve na primeira página PERCA DEPOIS DE LER e coloca na estante.
A equipe da Prefeitura que trabalhou nesse projeto: Sandra Amaral Mattos (Secretária de Planejamento), Diná Pellegrini O. Silvestre (Arquiteta),  Antonio César Cordeiro (Cadista responsável pelo 3d), além do Rogério Bertolucci (Princesa do Sul).
 O novo ponto de ônibus atrás do Mercadão e o da antiga rodoviária já tem. Confira:





segunda-feira, 2 de setembro de 2013

Meu fantasma tá ficando famoso!

A Revista Cultural da Cidade de Siqueira Campos, com seu editor Eder Ferreira, publicaram uma matéria sobre meu querido fantasma, aquele que resolveu aparecer numa de minhas fotos do passeio ao cemitério Jardim do Céu. Boa notícia, amei!!!! Baixem a revista e leiam a matéria na pg. 11. Muito legal!
                                             BAIXE A REVISTA AQUI



terça-feira, 27 de agosto de 2013

Susto após Passeio ao Jardim do Céu





Saímos do Bairro Árvore Grande no dia 25 de agosto de 2013 para uma caminhada até o Cemitério Jardim do Céu, na periferia de Pouso Alegre. A princípio era apenas um passeio para matar o tédio de um domingo chato e também para visitar o túmulo da família, porém logo no início já se tornou uma aventura inesquecível.
Atravessar o parque do Fórum e ver as crianças brincando no lago, além de ser uma alternativa para encurtar o caminho, era gratificante por estarmos num lugar tão bonito e ecológico. Mas, já na entrada percebemos algo estranho: Em vez do portão principal as pessoas entravam por uma cerca aberta por moradores. Depois de atravessar todo o parque, finalmente chegamos ao portão lateral que dava para a rua que seguiríamos em direção ao nosso destino, porém, qual não foi nossa surpresa quando percebemos que o portão estava trancado com um cadeado. Tivemos que voltar todo caminho percorrido e dar a volta pela rua até nosso destino.
Em seguida começamos nossa caminhada, que por sinal, era composta de vários pontos de subida, o que nos deixava muito cansadas. Após uma longa avenida avistamos uma curva onde supostamente estaria a entrada do cemitério. Qual não foi minha surpresa quando percebi que ali não existia nem sombra do tal “Jardim do Céu”. Tínhamos errado o caminho. Putz! Estávamos num lugar isolado e perdidos! Era hilário!
Voltamos um trecho até encontrarmos o ponto onde supostamente teríamos feito a confusão no trajeto. A partir dali teríamos que acompanhar as árvores, pois, o que eu lembrava desse lugar é que era numa rua cheia de eucaliptos.
Foi nesse ponto que passou um carro e percebi, para nossa sorte, se tratar de um amigo que morava num bairro ali perto. Ele nos deu as orientações necessárias e até se ofereceu para nos levar até lá, porém recusei, não era o passeio a pé, a graça de nossa aventura?
Enfim tomamos a direção correta e após um longo percurso chagamos aos eucaliptos. Era a última rua, dessa vez de terra e no fim dela estaríamos na porta do nosso destino, o Jardim do Céu. Assim que entramos na rua já comecei a bater fotos, queria registrar tudo e já estava com muitas no celular. Meu LG não era lá grande coisa, porém sempre registrou meus passeios, que posteriormente estariam num álbum no meu perfil da face book. E foi o que fiz. Visitamos o túmulo, descansamos numa sombra gostosa e aproveitamos um pouco da paz daquele lugar onde descansam nossos amigos e familiares que já partiram dessa para melhor. Quando cheguei em casa meus pés estavam em chamas e só queríamos um canto pra deitar...
Mais tarde postei as fotos e fui dormir para enfrentar mais uma segunda-feira de trabalho. Foi aí que levei o maior susto!
Eu estava postando fotos da Taça EPTV no grupo que administro sobre esporte de nosso município quando resolvi dar uma espiadela no álbum que havia postado no meu perfil. Quando parei para admirar uma foto veio a surpresa: O QUE É AQUILO ALI?
Tinha uma imagem que parecia ser de duas pessoas no acostamento da rua que dava acesso ao cemitério. Eu não me lembrava de ter visto ninguém, muito pelo contrário, a falta de pessoas no trajeto até tinha me preocupado. Olhei melhor e comentei: QUEM SÃO ESSAS PESSOAS?
Tá ali vejam vocês mesmos! Eu estou estarrecida até hoje! Não sei se fico feliz com o presente que me deram ou se me preocupo. Um amigo até brincou: “Cuidado! Quando a gente começa a ver fantasmas é porque estamos indo pro lado de lá...” Se isso for verdade todos que olham essa foto devem se preocupar, pois todos vêem a mesma coisa: Dois fantasmas no acostamento. Um de uma mulher de vestido longo e preto e outro de um homem de terno de gala branco.
A coisa que mais me assusta e que me fez dormir de luz acesa essa noite foi de lembrar que bati a foto do meu celular e que estavam me olhando, sem eu perceber...
Se alguém me perguntar o que foi isso eu respondo igual Chicó: “Eu não sei, só sei que foi assim...”

segunda-feira, 26 de agosto de 2013

Plantando a Semente do Esporte em Pouso Alegre




Há muito tempo se ouve falar na mídia e canais de comunicação sobre integração da criança na comunidade como meio de desenvolver seu intelecto, de criar o hábito de uma vida saudável e afastar das drogas e da marginalidade. A Secretaria Municipal de Esportes e Lazer, através de seu representante o Secretário de Esportes João Batista Rodrigues, o “João do Karatê” e também do Departamento Esportivo, que conta com profissionais da área de Educação Física, trabalha nesse intuito, agregando alunos de diversas escolas municipais, ao espaço físico da Praça de Esportes Municipal (Rosão), em atividades regulares.

O projeto já agrega as seguintes escolas: Escola Municipal Pio XII, as quintas-feiras, a Escola Municipal Prof.ª Maria Barbosa, às sextas-feiras e a Escola Municipal Clarisse Toledo as segundas e sextas-feiras.

O Departamento de Esportes existe para dar suporte aos professores e técnicos desportivos em atividades esportivas propiciadas pela Prefeitura Municipal. Atualmente conta com escolinhas de Futsal, Basquete, Natação e Atletismo. Também possui aulas de Karatê aos sábados, ministradas pelo próprio João do karate, também mentor do Projeto Solidário da Minas Kan Karate-Do.

A Praça de Esportes Municipal também cede seu espaço para um projeto de Tênis de Mesa e aulas de Educação Física de duas escolas da rede estadual.

O Projeto desenvolvido pela Secretaria de Esportes e Lazer que integra as escolas municipais está em vigor há alguns dias, mas já dá para se notar a alegria das crianças em participar. Elas utilizam as quadras externas, parquinho infantil, bosque arborizado, em breve as piscinas (quando abrir a temporada)  e, quando coincide com o horário das escolinhas, são convidadas a fazer parte da atividade específica do dia.

Tudo isso só é possível, por termos frente à Secretaria de Esportes pessoas verdadeiramente preocupadas com o desenvolvimento de nossas crianças, como é o caso de André Barreto, técnico da seleção de Pouso Alegre, que conquistou o BI Campeonato na Taça EPTV de Futsal e que trabalha como Diretor no Departamento Esportivo de nossa Secretaria.  A conquista também foi possível por mérito de nosso Secretário de Esportes, João do karate, que sempre apóia os atletas de nossa cidade e que também está a um bom tempo no exercício do esporte solidário, realmente fazendo acontecer no cenário esportivo do município

Parabéns aos envolvidos e vamos em frente, plantando essa semente de vida saudável e fazendo futuros craques para brilhar na história do esporte em Pouso Alegre.



Mariângela Padilha/SMEL /PMPA

terça-feira, 20 de agosto de 2013

O Bar do Escritor nos Quadrinhos



BAR DO ESCRITOR EM QUADRINHOS.

Inspirado em NOITE NA TAVERNA de Álvares de Azevedo, com magistral roteiro de Luiz Augusto de Souza e os seguintes autores e desenhistas:

Carlos Cruz adaptado e desenhado por Leandro Leite Leocádio;
Giovani Iemini adaptado e desenhado por Igor Chiesse;
Pablo Treuffar adaptado e desenhado por Emerson Wiskow;
Wilson R. adaptado e desenhado por Roni Ferreira;
Magmah (Sara Reis) adaptado e desenhado por Ludmila Vilarinhos;
Cristiano Deveras adaptado e desenhado por Luiz Augusto de Souza;
Me Morte (Mariângela Padilha) adaptado e desenhado por Roni Ferreira
Eu fiquei poderosa nessa arte! E olhe que estou sem burka! Linda!

quinta-feira, 15 de agosto de 2013

CONGRESSO INTERNACIONAL BAR DO ESCRITOR


Está acontecendo um encontro de bebuns literários na comunidade do orkut BAR DO ESCRITOR de Giovani Iemini de Brasília.

Evento para reunir os melhores botequeiros internáuticos do mundo para relembrar os velhos tempos de paulera literária.

De 12 a 18 de agosto de 2013, das 00h01min às 23h.59min na comunidade do Bar do Escritola no Orkäts.

Levem seus poemas e textos inéditos para ferinas criticas!
Eu já estou lá e postando minhas memórias do BDE desde 2007.

sábado, 10 de agosto de 2013

Mais um texto vai para os QUADRINHOS





O Bar do Escritor fará uma adaptação para o mundo dos quadrinhos com trabalhos de alguns participantes do projeto e meu mini conto UMA BELA E TENRA ESPIGA DE MILHO COZIDA  foi selecionado.
Mais uma história de Me Morte fará parte do mundo mágico dos quadrinhos.
A caricatura acima é de Luiz Augusto de Souza que faz parte desse lindo projeto.
O ilustrador de meu continho será RONI FERREIRA e estou muito ansiosa em ver o resultado do trabalho.  Segue abaixo a lista dos selecionados e os desenhistas que os adaptarão.


Roni Ferreira
Soneto de Adoração
De Wilson R.
e
Uma Bela e Tenra Espiga de Milho Cozida
De Me Morte

Luiz Augusto de Souza
Dos Ofícios, dos ofídios e seus males.
De Cristiano Deveras

Igor Chiesse
Entre o sorriso e a carranca
De Giovani Iemini

Ludmila Vilarinhos
Vento Norte
De Magmah

Emerson Wiskow
Estressadinho do Puteiro
De Pablo Pablo Treuffar

Leandro Leite Leocadio
Um copo que cai
de Carlos Cruz

quarta-feira, 7 de agosto de 2013

O "se" tanto faz se for verdade...





A mídia sensacionalista se alimenta de casos como aquele do assassinato da família de policiais. A mulher da PM,  o homem da ROTA, a avó devotada, a tia e o suspeito improvável, o filho de 12 anos de idade, um adolescente como qualquer outro, que jogava vídeo game, brincava com armas de brinquedo e escrevia e dizia coisas contestadoras, como qualquer menino nessa idade. Na adolescência as nossas crianças se identificam com os vilões, não importa quem, o importante é gostar do que ninguém gosta, é ser diferente.

 Todos mortos com um tiro na cabeça!

Destrinchemos esse enrosco:

Um extermínio pelo crime organizado? Isso foi imediatamente  descartado numa breve olhada na cena do crime: O policial morreu dormindo, a mulher de joelhos, a avó e a tia também dormindo, sem reação alguma e, por fim,  o menino, com a arma na mão esquerda e um tiro no ouvido esquerdo. Pesquisado posteriormente se soube que ele era canhoto, o que confirmaria as primeiras suspeitas de um suicídio. O crime organizado faria uma bagunça danada, humilharia o casal e reviraria o local, que estava impecável.

Um surto do menino que assassinara os pais, a avó e a tia e depois se suicidaria?  Porém, ficou constatado que o menino foi à aula pela manhã, quando os quatro já estavam mortos. As câmeras da escola mostram o momento que o menino estaciona o carro perto da escola, em torno de 1 e meia da manhã e sai pelo lado do motorista às 6 e pouco da manhã em direção a escola. A família disse que ele não dirigia. O menino sai do carro tranquilamente, já tendo matado pais, avó e tia  e,  calmamente,  vai pro colégio.

A perícia constatou que não existiam resíduos de pólvora nas mãos. Não foi dito em nenhum momento que as roupas do menino estivessem sujas de sangue ou que alguma peça de roupa encontrada na casa estivesse com sangue. O menino atirou e não teve resíduo de pólvora, mesmo sendo cinco tiros, e também sem nenhum sangue em suas vestes?

Na TV, um desses jornais sensacionalistas sugeriu que a Policial teria denunciado um esquema de envolvimento da PM em assaltos a caixa eletrônicos, o que não ficou comprovado. Teria sido um extermínio por parte de policiais corruptos? Essa idéia foi prontamente descartada pelo delegado, uma vez que nenhuma queixa foi registrada. Ora, dependendo das pessoas envolvidas, é muito provável que nenhuma queixa fosse registrada. Hoje mesmo eu vi uma notícia na net que um “figurão” da PM foi afastado porque estava passando a mão na cabeça de policiais infratores, anistiando seus delitos.

Bom, as câmeras da escola registraram o exato momento em que o carro da policial chega em frente a escola e estaciona a 1 e meia  da manhã. Depois, as 6 e pouco o Marcelo sai do carro e vai calmamente assistir aula. E se tivesse alguém no carro com ele? E se a “pessoa” tivesse estacionado o carro estrategicamente naquele local, pois não tem muita visibilidade pela câmera da rua. O menino desce do carro e passa em frente a ela, sendo claramente filmado... Muito conveniente! Parece que alguém pensou em tudo!

 E se, os comparsas ficaram lá na casa fazendo o serviço sujo enquanto o menino era conduzido,  com seu suposto “amigo policial”, a uma saída de carro? “Ora, seus pais estão dormindo, nem vão perceber”, ficou registrado que havia acontecido uma festa na residência, regada a bebidas e farras... Fácil justificar as pessoas dormindo profundamente, fácil dopar quem se quer ver apagado... Enrolar o menino para uma saidinha providencial pela madrugada... Depois, na volta para casa, quando percebeu os pais mortos, seria bem fácil fazer ele se matar, não seria? Afinal, se ele mesmo já tinha afirmado que queria ser um matador, coisa de adolescente, e que queria matar seus pais, será mesmo? Bom, alguém que se aproveitasse dessas afirmativas, poderia fazê-lo se sentir culpado e vendo os pais mortos, fatalmente se mataria...Mas isso é fantasia de uma escritora doida, eu! Porém, alguém poderia ter matado o garoto simulando um suicídio...

Sabe, isso dá uma bela trama policial!

Ah! Quanto ao menino colecionar armas, porra, o pai dele é da ROTA e com certeza era seu herói. Muito normal o interesse dele por armas!

Bom, nessa linguagem do SE vamos seguindo e torcendo para que essa família esteja num lugar melhor e que se encontre a verdade dos fatos!

Atribuir a culpa de 4 assassinatos com uma arma calibre 40 a uma criança de 12 anos de idade? E o impacto da arma? E o sangue, que nesses casos costuma jorrar?

Dizer que o crime organizado agiu mais uma vez? E as costumeiras características de covardia, a atitude de defesa das vítimas? Cenário revirado e sangue?

Será que mais uma vez  a covardia de quem deveria proteger prevaleceu? A covardia de atocaiar uma família inteira e ainda armar para que a culpa seja de um adolescente que amava os pais?

 Não importa a resposta, contanto que a verdade venha a tona. A surpresa, o estarrecimento perante tamanha covardia, tamanha insanidade ou premeditação, essa já é uma constante no nosso país.

E se... O “se” tanto faz, o importante é ser verdade!

EPTV SUL DE MINAS